terça-feira, 6 de agosto de 2013

Aleitamento Materno

Olá Mamães,

De 1 a 7 de Agosto comemoramos a Semana Mundial da Amamentação!!!

Já sabemos e está comprovada, por estudos científicos, da grande importância do leite materno para os bebês, quando comparado a outros leites (vaca, fórmulas prontas). De acordo com a Organização Mundial da Saúde e o Ministério da Saúde o aleitamento materno deve ser exclusivo até o sexto mês de vida e complementado até os dois anos de idade ou mais.

A introdução de alimentos antes dos seis meses de vida está associada a diversas complicações e doenças nas crianças como:
  • Maior número de episódios de diarreia;
  • Risco de desnutrição, caso a introdução dos alimentos sejam inferiores a necessidades da criança;
  • Menor absorção de nutrientes, como o ferro e o zinco;
  • Menor duração do aleitamento materno.
Como benefícios do aleitamento materno exclusivo até os seis meses de vida, podemos citar:
  • Diminuição de episódios de diarreia;
  • Evita morte precoce;
  • Evita infecção respiratória;
  • Diminui risco de alergias
  • Diminui risco de colesterol elevado, hipertensão arterial, diabetes;
  • Evita obesidade;
  • Efeito positivo na inteligência;
  • É de graça, diminuindo os custos da família;
  • Fornece uma melhor nutrição e saúde para o bebê.
Lembrem-se: Amamentar vai muito além de fornecer os nutrientes ao bebê. É um processo de grande envolvimento entre a mãe e filho, é seu contato mais intimo, levando a repercussões na saúde física e mental da mãe e do bebê.


SAÚDE DA CRIANÇA: Nutrição Infantil Aleitamento Materno e Alimentação Complementar. 

Caderno de Atenção Básica, nº 23, 2009.


A Coluna Orientações Nutricionais é assinada pela Nutricionista Thalita Fialho da Rocha. CRN: 09100216.
Graduada em Nutrição pela Faculdade Arthur Sá Earp Neto;
Pós-graduada em Nutrição Clínica pela Universidade Federal do Rio de Janeiro;
Mestre em Alimentação, Nutrição e Saúde pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro.
Participem do nosso Grupo de Discussão no Facebook, que a Nutricionista Thalita participa também, trocando experiências com as outras mamães por lá.

Nenhum comentário:

Postar um comentário